Resenha: Signs of Wings – Sascha Paeth’s Masters of Ceremony

Reprodução da capa do álbum (© Frontiers Records)

Depois de três décadas ajudando a moldar alguns dos discos mais importantes do power metal e do metal sinfônico, Sascha Paeth, produtor e guitarrista alemão que assina álbuns de artistas como Avantasia, Edguy, Rhapsody of Fire, Kamelot, Angra e muitos outros decidiu que era hora de finalmente canalizar seus esforços em direção a um projeto totalmente seu: o Masters of Ceremony.

Apesar de se tratar de uma iniciativa solo, o músico não conseguiu abandonar totalmente sua condição de profissional de bastidores. Quero dizer, temos aqui um som com grande foco nas guitarras, mas ele “se armou” de uma competente banda de apoio na qual todos os membros têm lugar de destaque.

A começar pela vocalista estadunidense Adrienne Cowan, do Seven Spires. Sua voz com lampejos de Kimberly Goss do Sinergy, Brittney Hayes do Unleash the Archers e Daísa Munhoz do Vandroya faz bonito frente ao peso que Signs of Wings, estreia do quinteto, oferece.

Na ala instrumental, temos Felix Bohnke (Edguy, Avantasia) na bateria, André Neygenfind (músico de apoio com passagens pelo Avantasia e pelo Rhapsody of Fire) no baixo e Corvin Bahn nos teclados.

Signs of Wings, é, em geral, uma homenagem ao gênero, e nem poderia ser diferente, afinal, estamos falando de uma figura importantíssima dos bastidores do power metal.

De faixas aceleradas e com refrãos marcantes (“The Time Has Come”, “Where Would It Be” e “Weight of the World”) a baladas lentas (“Path”), passando por lampejos de folk metal (“Radar”, “Bound in Vertigo”), Sascha abrange as facetas mais relevantes desta que é uma das sub-vertentes mais populares do metal.

O disco não surpreende nem inova em momento algum, mas faz o feijão com arroz de modo tão profissional e empolgante que não dá para não gostar do trabalho. Na verdade, ele faz esse feijão com arroz mais competentemente que alguns expoentes pioneiras do gênero. Sonata Arctica e Edguy que o digam.

Nota = 5/5.

Abaixo, o clipe de “The Time Has Come”:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s